O primeiro passo da configuração da integração contábil é a escolha do Layout e do sistema contábil com esses dados o Omie irá gerar os arquivos de integração de acordo com o layout do sistema contábil utilizado pelo escritório.

Para acessar esse passo basta entrar no Painel do Contador, ir ao Passo 3 Integração Contábil e clicar em: A Layout e Sistema Contábil:

Esse passo vamos dividir em alguns campos:

Vejamos abaixo o detalhe de cada um:

1 - Layout do Sistema Contábil:

Nesse campo é necessário escolher qual o sistema contábil utilizado no escritório e qual o layout para importação. 

Obs.: Nesse ponto vale uma atenção pois há sistemas contábeis que importam por mais de um tipo de layout, é preciso escolher o que mais condiz com a realidade do seu escritório.

Para escolher, basta clicar na seta e selecionar o sistema e o layout que irá utilizar:

Quando for selecionado o sistema, o Omie irá solicitar informações específicas relacionadas ao sistema escolhido.

Obs.: Cada sistema tem informações próprias, vamos demonstrar como exemplo o que deve ser preenchido para o sistema Dominio.

Ao clicar em qualquer um dos links desse campo o sistema abrirá a tela para incluir as configurações:

Nesse exemplo vemos que é preciso preencher código da empresa, modelo da NF de produto, Modelo da NF de Serviço, Código da Matriz ou Filial e se deseja integrar os rateios de centro de custo. Após preencher os campos é só clicar em confirmar. 

Caso não encontre o sistema contábil utilizado no seu escritório, basta enviar o layout desse sistema para sucessodocontador@omie.com.br ou ajuda@omie.com.br, que iremos solicitar para equipe de desenvolvimento essa inclusão.

2 - Período de Fechamento:

Nesse campo vamos indicar para o Omie qual o período de fechamento e em quanto tempo após o período de fechamento o Omie deve enviar as informações para o e-mail de cadastro, basta clicar na seta e selecionar a opção desejada:

3 - Bloqueio dos Lançamentos:

Nesse campo vamos indicar para o sistema permitir ou não o bloqueio dos lançamentos contábeis após cada período. Basta selecionar o link: "Permitir o bloqueio dos lançamentos de cada período contábil":

 Ao selecionar essa opção o sistema irá bloquear o aplicativo do cliente para efetuar qualquer tipo de inclusão, exclusão ou alteração em lançamentos dentro do sistema. O cliente poderá somente consultar os lançamentos e gerar relatórios.

4 - Tipo de Operação da Empresa:

Nesse campo vamos selecionar qual o tipo de operação que a empresa realiza. Basta selecionar o tipo de atividade clicando em cada link:

A primeira opção (contas a pagar, contas a receber e transferência entre contas) já vem selecionada de forma automática, as demais opções é preciso selecionar. 

Obs.: Esse passo influencia na configuração do passo B Principais Contas Contábeis e no passo C Históricos Contábeis, entenda melhor lendo os próximos artigos.

5 - Impostos Retidos:

Nesse campo vamos indicar ao Omie como ele deve gerar os lançamentos dos impostos retidos nas Notas Fiscais, basta clicar no link "Mais sobre impostos retidos de serviços":

O link irá direcionar para a seguinte tela:

Basta selecionar como deseja que o Omie gere os lançamentos dos impostos retidos: Ocorre na Provisão, Ocorre na Baixa ou Não gerar lançamento contábil. É só selecionar a opção tanto para serviços prestados como para serviços tomados. Após selecionar basta clicar em confirmar.

Com isso finalizamos a configuração do passo A da integração contábil, para ir ao próximo passo você pode tanto clicar no passo B ou clicar em próximo como na imagem abaixo:

Para saber como fazer a configuração do passo B Principais Contas Contábeis, clique aqui.

;-)

Encontrou sua resposta?