Para você gerar o arquivo da DIRF dentro do OneFlow basta seguir as seguintes etapas:

Configuração da obrigação

1. Dentro do OneFlow do cliente desejado, acesse a opção “Configuração da empresa” (No canto superior da tela):

2. Na tela que será aberta, acesse a opção "Fiscal / Obrigações" para incluir uma nova obrigação fiscal para essa empresa:

3. Na tela que será aberta, clique na opção incluir:

4. Na inclusão de obrigações, indique no campo "Obrigação" (1) a opção "DIRF". O sistema irá preencher o restante dos campos da tela automaticamente:

5. Dentro da aba “Configurações da DIRF” (2) informe os dados complementares necessários para a geração do Arquivo. O campo “Competência” deverá ser marcado apenas em situações em que é desejado que o sistema considere a informação por competência e não por data de pagamento (no caso do “PCC” por exemplo).

Geração do arquivo

Após realizada a configuração da obrigação devemos fazer com que o sistema gere o arquivo conforme os parâmetros informados na “Obrigação” DIRF. Veja:

1. No menu principal, acesso a opção "Gerar Anuais":


2. Irá abrir uma tela onde deverá ser selecionada a opção que se refere a DIRF, e logo após o ano-calendário que deseja gerar o arquivo:

3. Ao clicar em “Gerar” o sistema irá apresentar o card “DIRF” dentro da coluna de “Obrigações” da tela de Etapas:

Conferência e download do arquivo

Ao acessar o card da DIRF, o OneFlow irá possibilitar fazer o download do arquivo e consultar as informações dos impostos retidos que estão compondo o arquivo. Possuímos 3 abas principais: "Detalhes da Obrigação", "Documentos Não Gerados" e "Documentos e Comprovantes".

Aba Detalhes da Obrigação

É nesse local que você irá conferir as informações que serão consideradas para a DIRF. O sistema totaliza o valor dos rendimentos tributáveis e o valor das retenções por período para que seja possível você ter uma visão geral dos dados da DIRF.

Ao dar um duplo clique em algum período, o sistema irá demonstrar todas as notas fiscais que estão compondo aquele período, separadas por NF e retenção:

Para uma melhor experiência na conferência com a DIRF, você pode utilizar os filtros de “Beneficiário” e “Código da Receita” e ter a mesma visualização da DIRF.

OneFlow:

DIRF:

Importante: Por padrão o OneFlow considera a informação do Cód 5952 - PIS/COFINS/CSLL conforme a data do pagamento da nota fiscal. Caso deseje que o sistema considere essa informação dentro da própria competência (emissão da nota), deverá ser marcado o checkbox “Considerar as informações da DIRF pela competência” dentro da configuração da Obrigação e em seguida gerar novamente o arquivo.

Aba Documentos não gerados

Essa aba demonstra as notas fiscais que possuem retenção mas que não estão sendo consideradas no arquivo por não haverem a informação do pagamento, ou seja, situações para empresas regime de caixa ou notas fiscais com retenção PIS/COFINS/CSLL.

Caso você se depare com a situação de uma nota fiscal que está aqui, porém quer que ela seja considerada no arquivo, basta você dar um duplo clique na razão social desejada:

O sistema abrirá os detalhes e você poderá selecionar e clicar na opção “Mover nota fiscal selecionada para o arquivo DIRF”. Ao fazer isso, o sistema atualizará o arquivo com a nova informação.

Aba Documentos e comprovantes

Nesse local o sistema irá disponibilizar o arquivo TXT para download e realizar a importação dentro da DIRF.

Finalizando a obrigação

Para finalizar a obrigação no OneFlow será necessário acessar a opção "Informar Entrega" dentro da obrigação.

Será aberta então a tela para informar os dados da entrega da obrigação e você poderá anexar também o arquivo comprovante. Feito isso, é só clicar em "Salvar".

O comprovante de entrega ficará anexado no sistema (juntamente com o arquivo) na aba "Documentos e Comprovantes" (que acabamos de ver acima) e a obrigação será considerada como entregue no processo fiscal.

Encontrou sua resposta?