Quanto a integração automática não está disponível, o Omie não consegue "conversar" diretamente com a prefeitura através da Internet pois a prefeitura não disponibiliza esse serviço. Assim sendo, você deve extrair as informações do Omie e enviá-las para o site da prefeitura para que as notas fiscais sejam geradas. O que fizemos para ajudar: já geramos as informações exatamente no formato que a prefeitura espera, e construímos uma forma bastante simples de você fazer essa extração.

Ainda não emitiu nenhuma nota pelo Omie? Então leia também o artigo "Como faço para começar a emitir Nota Fiscal de Serviço (NFS-e)?".

1. Acessando o Contrato de Serviço

Clique no menu e selecione a opção "Contratos a Faturar", no grupo "Contratos de Serviço".

2. Faturando o Contrato

Em função da vigência e do dia do faturamento definido em cada contrato, já indicamos exatamente quais contratos devem ser faturados em cada dia. Você visualiza e confirma quais são esses caras analisando a coluna "2. Faturar Hoje".

Basta clicar no botão "Faturar Todos", conforme indicado na figura acima.

Todos os contratos que você tem que faturar no dia são processados, e além disso os contratos também passarão a aparecer na coluna "3. Faturados no Mês".

Na sequência, clique no botão "RPS e NFS-e", também conforme indicado na figura acima.

3. Exportando as informações do Omie para enviar à prefeitura

Agora você deve exportar as informações das ordens de serviço que foram geradas automaticamente por cada contrato para "subí-las" no site da prefeitura. Para isso:

  1. defina os filtros, identificando quais ordens de serviço deseja exportar
  2. clique no botão "Atualizar"
  3. visualize e confirme as ordens de serviço que foram carregadas
  4. clique no botão "Exportar". Nesse passo, será gerado um arquivo texto já no formato exigido pela prefeitura de seu município

3.1. Exportanddo o arquivo

  1. clique no botão "Sim" para confirmar a exportação do arquivo.

3.2. Salvando o arquivo

  1. basta dar um clique com o botão da direita do mouse e salve o arquivo em seu computador, em um local de fácil lembrança e fácil acesso.

Agora você deve acessar o site da prefeitura do seu município, acessar a área do contribuinte e "subir" esse arquivo. Isso enviará as informações do Omie para a prefeitura, solicitando a geração das notas fiscais de serviço.

Para fechar o ciclo, agora é necessário informar para o Omie qual foi a nota fiscal gerada pela prefeitura. Para isso acesse novamente o painel "RPS e NFS-e", conforme indicado na figura abaixo.

4. Informando para o Omie o que aconteceu

4.1. Filtrando as ordens que deseja confirmar

  1. defina novamente os filtros, agora informando o critério "NFS-e não confirmadas" na opção "Considerar RPS/NFS-e"
  2. clique no botão "Atualizar"
  3. clique na ordem de serviço que quiser informar o número da nota fiscal gerado pela prefeitura
  4. clique no botão "Confirmar". Nesse passo será exibida a tela para você indicar o número da nota fiscal gerado pela prefeitura para a ordem de serviço escolhida

4.2. Confirmando a nota fiscal que foi gerada

  1. informe a "NFS-e" (número da nota fiscal gerado pela prefeitura)
  2. informe o "Código de Verificação" (essa informação pode não existir em algumas prefeituras)

Clique no botão "Confirmar"

Pronto! Com o processo completo, é nesse momento que a(s) conta(s) a receber será(ão) geradas no módulo "Finanças", de acordo com as condições que você informou em cada ordem de serviço.

5. Muito trabalho? Veja como fazer tudo isso mais rápido

Algumas prefeituras disponibilizam em seu site uma opção de exportar um arquivo contento todas as notas fiscais que foram geradas em um determinado período. Se a prefeitura de seu munício oferece esse recurso então você é um cara de sorte: Omie consegue importar esse arquivo pra você :)

Acesse novamente o painel "RPS e NFS-e", conforme indicado na figura abaixo.

5.1. Acessando o Painel

5.2. Carregando o arquivo exportado pela prefeitura

  1. clique no botão "Importar". Será exibida a tela abaixo para que você possa "subir" o arquivo exportado do site da prefeitura

Dica: caso a prefeitura do seu município não disponibilize esse recurso de exportação o botão "Importar" não será exibido, assim evitando confusão :)

5.3. Confirmando o arquivo

  1. arraste aqui o arquivo com as notas fiscais geradas que você exportou do site da prefeitura.

Voilà! Com o processo completo, é nesse momento que a(s) conta(s) a receber será(ão) geradas no contas a receber do módulo de "Finanças" para todas as notas fiscais contidas no arquivo, de acordo com as condições que você informou em cada ordem de serviço.

Encontrou sua resposta?