O cadastro de serviços permite que você defina os serviços que você presta, informando principalmente a descrição, o valor cobrado e o percentual do imposto sobre serviço (ISS), além de outros dados. Isso é muito útil, pois no momento que você for incluir uma nova "Ordem de Serviço" ou "Contrato" todas essas informações são respeitadas automaticamente, o que deixa a operação muito mais ágil.

1. Incluindo o Serviço

Para incluir um novo serviço, acesse o cadastro de serviços seguindo o caminho acima.

1.1. Tela de Inclusão de Serviço

  1. Descrição resumida. Nome curto do serviço. É por esse nome que você vai procurar os serviços quando for incluí-los na "Ordem de Serviço" ou "Contrato". Aqui não existe nenhuma regra específica, utilize um nome que seja familiar e intuitivo.
  2. Código do Serviço. Código que identifica de forma única o serviço. Caso você não tenha uma codificação dos seus serviços, ou não queira utilizar essa informação, pode ficar tranquilo que o Omie resolve isso para você, sugerindo uma numeração automática.
  3. Tributação dos Serviços. Forma que o governo calcula o imposto sobre esse serviço. Essa informação você deve verificar com seu contador e/ou com a prefeitura de seu município.
  4. Código do Serviço Municipal. Código que identifica o serviço na prefeitura do seu município. Essa informação você deve verificar com seu contador e/ou com a prefeitura de seu município.
  5. Código NBS - Nomenclatura Brasileira de Serviços. Sabe aquele "Valor Aproximado dos Tributos" que aparece na nota fiscal? Pois bem, quem dita esse valor é justamente o Código da NBS. Essa informação você deve verificar com o seu contador e/ou com a prefeitura de seu município. Antes que você se espante, é isso mesmo, Cara Pálida: código pra tudo o que é lado. Essa legislação brasileira ainda vai nos deixar loucos!
  6. Preço Unitário do Serviço. Preço que você cobra pelo serviço.
  7. Descrição do Serviço. Descrição detalhada do serviço. Você pode descrever e detalhar o serviço prestado, sendo que é essa informação que será impressa na nota fiscal (NFS-e) no campo "Discriminação do Serviço". Não há nenhuma regra específica, mas fique atento com textos muito longos pois algumas prefeituras aceitam somente textos curtos.

Dica: depois de preencher os campos não se esqueça de clicar no botão "Salvar", conforme destacado na figura acima.

E lembre-se: tudo o que você informa aqui é levado automaticamente para a "Ordem de Serviço" ou "Contrato" quando adiciona os serviços.

Encontrou sua resposta?