Quando o seu cliente vai recolher os impostos retidos referente aos serviços tomados, podemos configurar esse passo para definir o fornecedor e a categoria que será utilizada no contas a pagar desses impostos.

Com essa função sempre que seu cliente destacar dentro do contas a pagar o valor do imposto retido de IRRF, PCC (PIS, COFINS e CSLL), ISS e INSS, iremos criar e atualizar automaticamente essa conta a pagar, além dele poder visualizar o DARF que foi gerado pelo Omie referente ao IRRF e PCC.

Aqui iremos inserir as seguintes informações:

  1. IRRF – Fornecedor, categoria e o tipo de apuração para o IRRF;

  2. PCC – Fornecedor, categorias para PIS, COFINS e CSLL e o tipo de apuração para o PCC;

  3. ISS – Fornecedor, categoria e o tipo de apuração para ISS;

  4. INSS – Fornecedor, categoria e o tipo de apuração para INSS;

Obs: O cadastro do fornecedor e das categorias precisam ser feitos dentro dos seus respectivos passos:

Quando um serviço tomado é registrado com retenção de impostos, faremos todo o processo de atualizar as contas a pagar de forma automática e gerando o DARF (IRRF e PCC). =D

Se quiser também dar uma olhada em como é feito o processo dentro do contas a pagar é só clicar aqui.

Após finalizar toda a configuração do passo podemos gerar os arquivos de integração, para isso basta ir ao passo 5 no painel do contador. Para saber como usar o passo 5 Geração dos Arquivos, clique aqui.

;-)

 

Encontrou sua resposta?