Você comerciante do varejo em geral, é muito comum o estilo de venda rápida, na qual o cliente chega no balcão da sua empresa, compra e vai embora. Nesses casos, o Cupom Fiscal é o comprovante deste tipo de operação, inclusive com a impressão naquelas impressoras térmicas.

É importante ter o controle efetivo de todas essas vendas com reflexo tanto do seu estoque quanto nas suas receitas. Para isso, o Omie possui parceiros para emissão do Cupom Fiscal, comumente conhecidos como PDV (Ponto de Venda). Toda movimentação realizada no PDV é refletida com eficiência dentro do Omie de maneira automática.

Cada parceiro possui pré-requisitos específicos para os equipamentos e para o início da operação, veja no parceiro desejado quais são e qual o canal de suporte caso tenha dúvidas ou precise de ajuda.

No Omie você precisa se atentar a alguns pontos de configuração e cadastros para que aconteça a sincronização correta com o PDV que você escolheu trabalhar. Vamos lá:


Configurações Iniciais

1 - Razão Social;
2 - CNPJ;
3 - Nome Fantasia;
4 - Endereço Completo;
5 - Inscrições, CNAE e Outros - informações fiscais da sua empresa;
6 - Nota Fiscal de Produto - configuração para emissão de NF-e;
7 - PDV - configuração para sincronizar os movimentos de estoque de forma analítica (venda a venda).


Configurações de Contas Correntes

  • Além de cadastrar suas contas correntes, você deve cadastrar a Conta Caixinha (para recebimentos em dinheiro) e as Administradoras de Cartões que você utiliza para gerenciar as vendas realizadas no PDV.

  • Conta Caixinha

1 - Opção para utilizar esta conta no PDV;
2 - Sincronizar os recebimentos de forma analítica (venda a venda);
3 - Selecione a Categoria que será utilizada com a receita de vendas.

  • Administradora de Cartões

1 - Escolha a Administradora do Cartão;
2 - Opção para utilizar esta conta no PDV;
3 - Sincronizar os recebimentos de forma analítica (venda a venda);
4 - Selecione a Categoria que será utilizada com a receita de vendas;
5 - Dias para Vencimento;
6 - Defina a quantidade máxima de parcelamento para suas vendas;
7 - Vincule com o Cadastro da Administradora entre seus Fornecedores;
8 - Defina o tipo de operação (Débito e/ou Crédito);
9 - Sistema de TEF;
10 - Defina as taxas para parcelamentos de acordo com a quantidade de parcelas.


Cadastro de Produtos

  • Depois de realizar o Cadastro do Produto, você precisa marcar a opção "Este produto é vendido através de Cupom Fiscal ECF, SAT ou NFC-e (no PDV)", na aba Informações Adicionais:

  • Na aba "Recomendações Fiscais", não se esqueça de preencher a "Origem da Mercadoria":

  • Quando cadastrar todos os produtos no Omie, você precisa reenvia-los ao PDV:

Clique na engrenagem ao lado direito superior.

Selecione a opção "Reenviar todos os Produtos para o PDV" e clique em Salvar.

Configurações de Impostos

  • Para configurar os impostos para suas vendas no PDV, seja a empresa optante pelo regime do Simples Nacional ou do Lucro Presumido e Real, é importante a parametrização baseada no código NCM dos produtos que já foram cadastrados no Omie e serão vendidos usando o PDV:

Dentro do Cenário Fiscal clique em CF-e SAT e NFC-e:

Dentro do NCM, basta configurar:

1 - CFOP da Venda (ou Revenda);
2 - ICMS - Com a Situação Tributária, a Modalidade da Base de Cálculo e no caso de Desoneração de ICMS, qual o motivo;
3 - PIS - Situação Tributária do PIS;
4 - COFINS - Situação Tributária do COFINS.

Dicas importantes: 

1) Lembre-se de consultar o seu contador para o correto preenchimento dos impostos.

2) Sempre que incluir um novo produto ou fizer alguma alteração seja no cadastro do produto ou nos impostos dentro do Omie, não se esqueça de reenviar todos os produtos novamente ao PDV para manter os dados sempre sincronizados.

Prontinho, tudo certo agora =)

Encontrou sua resposta?